FÉLIX CHAVES
TUDO VALE A PENA, SE A ALMA NÃO É PEQUENA
Textos
CODICILOS.
  Na ultima viagem,
  o ataude não seja envernizado;
  sem argolas douradas penduradas;
  com pegadores simples, não esculturados.

    Meu rosto pálido seja exposto;
    que pessoas ao verem acreditem:
    o fim de cada  é preposto.

  Que o cheiro da carne em putrefação
  misturada com o odor do sangue estagnado,
  sem circulação,
  espalhe-se pelos cantos do salão.

   Sem coroas, buquês de flores.
   Em minha mão uma rosa branca, vermelha ou amarela;
   para no fim, onde for,seja por mim colocada
   na entrada, anunciando o fim da quimera.      
Felix Chaves
Enviado por Felix Chaves em 07/06/2020
Alterado em 08/06/2020
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras