FÉLIX CHAVES
TUDO VALE A PENA, SE A ALMA NÃO É PEQUENA
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

A BARCA DAS ALMAS.
'   A barca vai descendo o rio lentamente.
   As pessoas nas margens, ficam a olhar.
   Ela vai flutuando estranhamente, navegando sem destino,
apenas seguindo. Talvez, querendo que o tempo pare para também
observar.
   Só não sabem que dentro dela, almas solitárias estão a cumprir penas.
Soltando lamentos sem voz, palavras vazias sem ecos no mar da insanidade.
   É a medida da dor de cada um, que foi elaborada antes do embarque final.
   O molde fúnebre, que te abrigara,  continuamente feito e refeito.
Te digo, não esperes nada alem do que antes plantastes.
   É a barca das almas no mar da razão.      
Felix Chaves
Enviado por Felix Chaves em 06/04/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras