FÉLIX CHAVES
TUDO VALE A PENA, SE A ALMA NÃO É PEQUENA
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

OS OLHOS...
   O azul do mar,  confunde-se com o do céu
   e o céu diante de tanto esplendor,
   emanado pelo mar,
   todo dia manda seu representante maior, o sol
   no encontro crepuscular, como um mensageiro do amor
   acariciar as ondas, e antes de dormir dar o beijo de boa noite.
   olhando toda essa beleza,
   lembrei que seus olhos também eram azuis.
   Tantas  vezes quis mergulhar nesses olhos,
   para nesse ato, atingir sua razão e seu coração.
   Faz tanto tempo...
   Sera que eles ainda possuem a mesma centelha,
   que ao cruzar com o castanho dos meus
   se traduzia em palavras não ditas.
   Mas profundamente sentidas...
   faz tanto tempo...  
Felix Chaves
Enviado por Felix Chaves em 03/01/2018


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras